Histórico

O Laboratório de Química Teórica foi criado em meados de 1986 para desenvolver pesquisas sobre efeitos do solvente em propriedades moleculares. As atividades do LQT foram iniciadas com o desenvolvimento da dissertação de Mestrado do aluno Ricardo Luiz Longo, no programa de pós-graduação em Química da UFSCar. Neste trabalho a teoria do campo de reação foi implementada no programa Ampac.
Na teoria do campo de reação o solvente é modelado como um meio contínuo dielétrico, ou seja, não existem moléculas explicitas de solvente. Diversos problemas sobre efeitos da solvatação nas propriedades do soluto foram abordados. Parte desta dissertação foi desenvolvida no Departamento de Física da Universidade Federal de Pernambuco.

Simultaneamente, iniciamos o desenvolvimento de um programa computacional (DIADORIM) para a simulação de líquidos puros e misturas binárias, utilizando o Método de Monte Carlo com algoritmo de Metropolis, incluindo a teoria de perturbação termodinâmica para calcular a variação de energia livre em processos em solução. Seguindo a metodologia padrão, as moléculas são modeladas com a aproximação do campo de força clássico. Utilizando este programa várias dissertações de Mestrado e Teses de Doutorado foram desenvolvidas, em geral, explorando uma abordagem molecular para o tema ‘Termodinâmica de Processos em Fase Líquida’.

Atualmente, a simulação computacional é hoje uma técnica amplamente utilizada para estudar processos químicos, biológicos, com enorme aplicação também na Ciência dos Materiais. Este Laboratório é um pioneiro na introdução da mesma no Brasil, inclusive com o desenvolvimento do software necessário.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s